"Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre"

"Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre" Lance Armstrong


segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Funcionária da Ebserh relata assédio moral e é barrada em seu trabalho


Uma trabalhadora da Ebserh garantiu na última segunda-feira o direito de retornar ao seu posto de trabalho no Hospital das Clínicas, após ter denunciado um caso de assédio moral sofrido no local.
Por conta disto, ela acabou sendo transferida para a Maternidade Victor Ferreira do Amaral. A funcionária havia passado em concurso público para uma vaga de técnica em enfermagem do Centro Cirúrgico do HC.
Ela foi transferida para outra instituição por questionar algumas práticas do hospital. O caso foi para a Justiça e o juiz Carlos Martins Kaminski considerou que houve assédio moral por parte do HC.
Caso a diretoria do hospital descumpra a medida, a instituição será multada diariamente no valor de R$ 500.

Barrada

Nesta quarta-feira (17), a funcionária tentou retornar ao posto de trabalho, mas acabou sendo impedida. A chefia imediata da trabalhadora alega que ainda não foi notificada da decisão do juiz.
“Eles humilham todo mundo. É horrível. Tiram sarro da gente todo dia. Somos maltratados demais. Estou até doente. Tive uma crise de ansiedade e estou tratando uma úlcera por causa disso”, reclama ela.

Fonte: ParanáOnline

Nenhum comentário:

Postar um comentário