"Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre"

"Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre" Lance Armstrong


terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Assédio moral é tema de palestra

Com o tema 'Assédio Moral – Basta!', ministrada pela presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Teresópolis (SINDPMT), Andrea Pacheco, a Secretaria de Administração promoveu nesta segunda-feira, 9/12, no Teatro Municipal, palestra com o objetivo de conscientizar os funcionários sobre o assunto, pontuando o que configura o assédio moral, os males causados por ele, como se defender e a quem recorrer.
 
'Esse projeto atende ao pedido do procurador regional do Ministério Público do Trabalho, Francisco Carlos, que nos solicitou que fizéssemos esse trabalho de conscientização junto aos servidores'.

'Essa é a primeira palestra sobre o assunto, teremos novas palestras semestralmente. O próprio Francisco Carlos estará em Teresópolis em meados do ano que vem para falar sobre o assunto. Também vamos distribuir cartilhas sobre o tema para todos os servidores da Prefeitura”, frisou o Secretário de Administração, Carlos Tucunduva.

Durante a palestra, Andrea Pacheco pontuou o que é assédio moral, afirmando que é toda conduta abusiva, expressa através de gestos, palavras, atitudes ou comportamentos realizados repetitivamente conta a dignidade, competência, integridade psíquica ou física de uma pessoa, degradando o clima no local de trabalho, ameaçando o emprego.

De acordo com Andrea, piadas com intenção de constranger, ironia e desvalorização das atividades exercidas pelo servidor são algumas das atitudes que podem indicar o assédio moral no trabalho. Angústia, depressão, aumento da pressão arterial e distúrbios do sono são alguns dos malefícios causados por esse tipo de assédio.

Para se defender, a pessoa assediada não deve se deixar abater; conversar com familiares e amigos sobre o que está acontecendo; anotar situações vivenciadas; e se perceber que está diante de uma situação de assédio moral, denunciar. “Se o funcionário estiver passando por uma situação que configure assédio moral a melhor opção é procurar imediatamente o sindicato, que poderá orientá-lo para que consiga resolver o problema o mais rápido possível”, finalizou Andrea Pacheco, que também falou sobre a importância da chefia motivar a sua equipe.

“O papel do gestor inclui criar um ambiente de trabalho agradável, de harmonia. Ele deve deixar claro que há perspectivas de progresso, ou seja, os esforços dos funcionários precisam ser valorizados, reconhecidos. Ele também deve estimular e proporcionar momentos e encontros para interação entre os funcionários além do ambiente funcional”, pontuou Andrea.

A palestra já foi ministrada para servidores das secretarias municipais de Educação e de Segurança Pública. Outras secretarias que se interessarem em apresentar a palestra podem ligar para o SINDPMT, no telefone 2643-2175.

Fonte:  Portal Terê

Nenhum comentário:

Postar um comentário