"Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre"

"Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre" Lance Armstrong


quarta-feira, 23 de outubro de 2013

MPT-SE FARÁ ATO PÚBLICO PARA BANCÁRIOS SOBRE ASSÉDIO

Por: Ana Alves

Depressão, estresse, alcoolismo e suicídio, são algumas das possíveis consequências do assédio moral. Pesquisa realizada pela Universidade de Brasília (UnB) revela que, diariamente, um bancário tenta suicídio e, a cada 20 dias, um deles acaba por consumar o ato. Diante das estatísticas, unidades do Ministério Público do Trabalho (MPT) em todo o país realizam, de 21 a 25 de outubro, campanha contra o assédio moral no setor bancário, idealizada pela Coordenadoria de Promoção da Igualdade de Oportunidades e Eliminação da Discriminação no Trabalho (Coordigualdade) do MPT, cujo titular em Sergipe é a procurador do Trabalho Ricardo José das Mercês Carneiro.
Na próxima quinta-feira, 24, às 18 h, no auditório do MPT-SE ocorrerá um ato público de conscientização em relação ao assédio moral em estabelecimentos bancários. Na oportunidade, ocorrerá o lançamento da cartilha respectiva produzida pela Coordigualdade.

O objetivo do ato público é fazer um diagnóstico da questão em Sergipe, consolidando as boas práticas de prevenção ao assédio moral porventura existentes e estabelecendo novas linhas de ação para o seu combate. Nesse sentido, serão prestados esclarecimentos em torno do tema, bem como serão promovidos debates em que representantes do segmento dos trabalhadores e dos estabelecimentos bancários terão a oportunidade de apresentar os maiores avanços e dificuldades para o enfrentamento deste problema. O evento faz parte do projeto “Assédio é imoral” desenvolvido no âmbito do MPT e que tem um dos seus focos na atividade bancária.

Como as vagas são limitadas é preciso registrar a presença através do e-mail prt20.ascomse@mpt.gov.br . 
Para obter mais informações ligue para o 3226-9100. 
O MPT-SE está localizado na Av. Desembargador Maynard, 72, Bairro Cirurgia.


Fonte: Plenário

Nenhum comentário:

Postar um comentário