"Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre"

"Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre" Lance Armstrong


quinta-feira, 1 de março de 2012

Mulher recebia mensagens de texto "inapropriadas"

Coreia do Sul: Agência estatal vai indemnizar mulher por "assédio sexual"


Uma agência estatal da Coreia do Sul vai indemnizar por "danos morais" uma mulher que sofreu repetidamente assédio sexual no seu local de trabalho, revelou este sábado a agência Yonhap.

O caso agora conhecido é o primeiro em que os Serviços de Bem-estar e Compensação dos Trabalhadores sul-coreanos, encarregados de indemnizar aqueles que sofrem danos durante o desempenho dos seus empregos, reconhecem o assédio sexual como dano relacionado com trabalho.

O organismo público aceitou assumir as despesas do tratamento médico da vítima que foi atestada com sintomas como insónias, depressão e ansiedade.

Além disso, a mulher, que há 14 anos trabalhava no departamento de controlo de qualidade de uma companhia subcontratada pela Hyundai Motor, vai receber uma compensação económica do fundo estatal, acrescenta o despacho da Yonhap sem revelar valores.

A decisão surge depois da agência ter confirmado que a mulher foi assediada sexualmente por dois colegas desde Abril de 2009 através de mensagens de texto "inapropriadas" e, entre outros actos, chamadas telefónicas durante a madrugada.

Os autores do assédio vão ter, por sua vez, de pagar à vítima um total de nove milhões de wones - cerca de 9.800 euros - como compensação pelos danos causados. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário