"Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre"

"Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre" Lance Armstrong


domingo, 23 de outubro de 2011


O blog “Assediados” conta desde o seu nascimento com a colaboração de várias pessoas, tanto no fornecimento de relatos, compilações e artigos, como também na sua divulgação.
 
Como desde o princípio, abrimos um espaço de livre expressão que permite interação e desabafo em forma de relatos com preservação de identidades, artigos e informações atualizadas. Estes, com a manutenção de suas fontes.

Não há da parte do grupo "Assediados" interesse algum em expor nenhum dos lados da moeda, por isso mantemos a impessoalidade dos relatos.
 
Sabemos que a vítima de Assédio Moral no Trabalho, encontra muita dificuldade no que diz respeito à solidariedade e compartilhamento. Seus amigos passam a considerá-lo perigoso e obcecado pelo tema. E isso se deve ao “desespero” em se fazer entender e ter o seu sofrimento reconhecido.
 
Entendendo as dores que envolvem o Assédio Moral no Trabalho, é que este espaço foi criado e será mantido, até quando considerarmos que seu papel social foi cumprido.
 
Contamos com sua divulgação e colaboração.

Os relatos postados em “Assediados” vêm sendo analisados para outras formas de publicação.
 
Avaliamos como um compromisso moral conosco e com a sociedade, alertar sobre os perigos e dores que envolvem o tema.
 
O grupo de "Assediados" junta-se a outros já existentes para continuidade da luta por dignidade,   respeito e justiça para todos. 
 
Agradecemos   as muitas manifestações de  apoio que temos recebido de "assediados", e "não assediados".
 
O grupo de "Assediados" continua contando com o apoio de todos os aliados possíveis na batalha "contra o assédio", batalha esta em que não há vencedores ou perdedores, enquanto houver assédio moral nos espaços de convivência.
 
Um grande beijo a todos e nosso agradecimento sincero por suas visitas ao nosso blog.


Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre!


Nenhum comentário:

Postar um comentário